Município de Paredes de Coura

Loading
Realizar Poesia
“Mil anos me separam de amanhã”, uma viagem ao universo de Mário de Sá-Carneiro no centenário da sua morte, foi o ponto de partida para a primeira edição do REALIZAR :poesia em vários espaços da vila e concelho de Paredes de Coura. Com esta iniciativa, que em 2016 apresentou a sua primeira edição, pretende-se divulgar […]

"Mil anos me separam de amanhã", uma viagem ao universo de Mário de Sá-Carneiro no centenário da sua morte, foi o ponto de partida para a primeira edição do REALIZAR :poesia em vários espaços da vila e concelho de Paredes de Coura.
Com esta iniciativa, que em 2016 apresentou a sua primeira edição, pretende-se divulgar e partilhar a experiência poética com propostas apresentadas por dezenas de prestigiados convidados nacionais e internacionais, versando campos tão vastos quanto aqueles que vão da conversa à performance, da preleção ao teatro, do lançamento de obra literária à conferência, da leitura de poesia à música, do cinema à exposição de acervo bibliográfico.
A exposição "Mil anos me separam de amanhã" foi a iniciativa âncora do REALIZAR :poesia 2016 e integrava o espólio de uma coleção privada, do qual fazem parte exemplares das edições originais dos livros de Mário de Sá-Carneiro, publicados em edição de autor, assim como a sua incontornável correspondência com, entre outros, Fernando Pessoa. A peça central da exposição era a nota de suicídio deixada a Fernando Pessoa, não só pela efeméride da sua morte, mas acima de tudo pelo seu valor histórico e simbólico únicos.

Listagem de documentos
data
20 Abril 2018 - 25 Abril 2018